...a uma criança.

Ser criança é ser-se grande,  
De forma singela e soberana
É ter peito aberto de quem ama
É ser fogo, é ser chama
É sangue novo, ardente de vitória
É ser-se uma nova história
É ser presente e futuro
É viver do outro lado do muro
Livre e solto
Como a andorinha que esvoaça
É ser o tempo que não passa
É ser inclusão e esperança
É ser dono da razão
É ser verdade sem preconceito
Ser criança…
Ser criança é ter direito
É ter vontade sem ter jeito
É ser lágrima sem ter ferida
Mas mais que tudo,
Ser criança…
É ser diamante bruto na mão de quem lapida

Um comentário:

  1. Ser criança é ser-se verdadeiramente livre......

    Blood Kisses

    ResponderExcluir